Por ser do outro lado do mundo, muitas pessoas imaginam que viajar para a Tailândia custa uma fortuna. Na verdade, a Tailândia é um país relativamente barato e o quanto se gasta por lá depende muito do estilo de viagem de cada um. 


Nesse post, vamos te contar quais foram os nossos gastos (todos mesmo!), e daremos algumas dicas de como é possível economizar ainda mais.

Quer saber quanto custa viajar para a Tailândia? Vem comigo!


A moeda tailandesa é o Baht. Uma forma rápida para converter o Baht em Real é cortando um zero e tirar 10%, por exemplo: 200 Bahts = +/- 18 reais (em março/abril de 2017).

 No total, ficamos 24 dias viajando, sendo que 21 dias passamos mochilando pela Tailândia. 


 IMPORTANTE: TODOS OS VALORES DO POST SÃO PARA DUAS PESSOAS!!!




Passagens aéreas

Sem dúvida, as passagens aéreas foram as maiores despesas da viagem!

É legal começar a acompanhar a variação de preço das passagens com bastante antecedência (uns 8 a 6 meses antes, pelo menos) para garantir um preço melhor.

Compramos nossas passagens de ida e volta para a Tailândia em novembro de 2016, 4 meses antes da viagem, quando os preços estavam começando a subir. Já os vôos internos, compramos com mais ou menos um mês de antecedência.

Sempre pesquiso os preços pelo Skyscanner e geralmente compro direto do site da cia. aérea. E foi isso o que fizemos para comprar as passagens dos vôos internos.

Ao todo gastamos R$ 7.255,18, contando a ida para a Tailândia, mais três vôos internos.  

Nossos gastos com passagens aéreas ficaram assim:

Passagens aéreas



Outros transportes

Deslocamentos nas cidades

Para deslocamentos em Chiang Mai e Bangkok, indicamos o Uber! Além de rápido e barato, a facilidade de não ter que ficar explicando onde se quer ir é um super bônus (lembrando que na Tailândia nem todo mundo fala inglês). Escolhemos pagar as corridas sempre em dinheiro para evitar a cobrança de IOF no cartão.

Em Chiang Mai, os Red Cars (camionetes vermelhas usadas como táxi coletivo) também podem ser uma opção rápida e barata de transporte, mas lembre-se sempre de negociar o valor da corrida primeiro! Nós usamos o Red Car algumas vezes, inclusive para voltar do templo Doi Suthep.


Confira aqui dicas sobre as melhores praias e ilhas na Tailândia


Deslocamentos entre as ilhas

Pra quem não se lembra, depois de Bangkok fomos diretamente para as praias (confira nosso roteiro neste post). Nosso primeiro destino foi Railay Beach e depois Koh Phi Phi.
Depois seguimos para a ilhas do Golfo da Tailândia (Koh Samui, Koh Phangan e Koh Tao).  Para nos deslocar de uma ilha à outra, utilizávamos o ferrys e/ou catamarã. Comprávamos as passagens sempre no dia anterior à partida e não tivemos problemas.

Dica: Gostamos muito do serviço da Lomprayah (uma empresa de transportes da Tailândia) pois existe a opção de já comprar o transfer do pier  de destino para o hotel juntamente com os tickets do barco. As vans aguardavam na saída do píer e eram numeradas de acordo com a região da hospedagem, o embarque era rápido e não perdíamos tempo procurando transporte.

Deslocamentos nas ilhas

Se você se garante na moto, a melhor pedida para as ilhas do golfo é alugar uma scooter. Com a motinha você consegue fazer os deslocamentos hotel-centro/ hotel-praias na maior facilidade. Outra vantagem de alugar uma scooter é o preço, que fica entre 200 e 250 Bahts a diária.

Somando todos os nossos gastos com deslocamento, gastamos R$1.022,50.

Veja só como ficaram nossos gastos com táxis, aluguel de moto, uber e barcos. Separei por região para facilitar:

Transporte em Bangkok

Transporte em Railay Beach

Transporte em Phi Phi

Transporte em Koh Samui

Transporte em Koh Phangan

Transporte em Koh Tao

Transporte em Chiang Mai



Seguro-viagem

Item super importante em qualquer viagem! Não precisamos acionar o nosso (ainda bem!), mas é sempre bom se prevenir, não é mesmo?

Fizemos a cotação em diversos sites, e no final nos decidimos por um plano da Assist Card, que cobria 24 dias de viagem para duas pessoas e custou R$476,70.


Por falar em seguro, já contratou o seu? Faça o seu orçamento no site da Real Seguros , compare as cotações entre as melhores seguradoras do país e garanta o melhor preço!



Veja só a cobertura do plano que escolhemos, o AC 35, para nós o de melhor custo-benefício quando pesquisamos:

Cobertura do nosso Seguro Viagem (individual)

Hospedagem

Este gasto depende exclusivamente de você. Quer luxo e comodidade? Apenas um lugar tranquilo pra dormir? Quer festa e badalação?

Depois de decidido o seu estilo de viagem, vem a parte que demanda mais tempo no planejamento do roteiro: pesquisar onde ficar! Gosto de definir primeiro a faixa de preço que pretendo gastar, e depois analisar as avaliações dos hóspedes em mais de um site - costumo usar muito o TripAdvisor e o Booking.

Verificar a localização da hospedagem também é importante, pois é preciso considerar o deslocamento até os seus pontos de interesse em determinada cidade pra economizar dinheiro e tempo com transportes.

Nossos gastos com hospedagem foram: R$ 1.960,89.

Hospedagens


Não deixe de conferir a nossa lista sobre 10 coisas para se fazer em Bangkok


Alimentação

Taí algo que pode ser o grande vilão de um orçamento apertado! Na Tailândia, percebemos que a comida local é infinitamente mais barata do que a comida ocidental. Então, se quiser economizar, a dica é: se joga na comida tailandesa!

Há dias que bate uma vontade incontrolável de comer algo que estamos mais acostumados, como uma pizza ou um hambúrguer, mas saiba que isso pode custar até 3 ou 4 vezes mais que um pad thai ou fried rice, por exemplo.



Outra dica para quem assim como nós é mão de vaca gosta de economizar é aproveitar toda a praticidade da Seven Eleven! Pra quem nunca ouviu falar nesse nome, é uma rede de 'mercadinhos' que tem de tudo um pouco, com preço super convidativo! E o melhor, sempre tem uma a cada esquina da Tailândia, literalmente!

Nossos gastos com alimentação totalizaram R$ 1.574,89. Considerando que ficamos 21 dias mochilando, isto correspondeu à média de R$ 37,50 para uma pessoa por dia.

Alimentação em Bangkok

Alimentação em Railay Beach

Alimentação em Phi Phi
Alimentação em Koh Samui

Alimentação em Koh Phangan
Alimentação em Koh Tao

Alimentação em Chiang Mai


Passeios

Alguns templos que visitamos exigiam a compra do ticket para acessá-los, outros sugeriam alguma doação. O templo mais caro que visitamos foi o Grand Palace em Bangkok (custou 40 reais por pessoa!), os demais não passaram de R$ 10,00. Listamos todos os gastos que tivemos com os templos aqui embaixo.

Com relação aos passeios, a dica para quem quer economizar é fazer os coletivos. Nós demos sorte e encontramos alguns brasileiros para dividir os passeios para Hong Island (dois casais) e Maya Bay (um casal) num barco privado, e foi a melhor escolha que poderíamos ter feito. Com o barco privativo fizemos nosso horário e ficamos o tempo que queríamos em cada parada!

 Somando todos nossos gastos com passeios, contribuições para entrar nos templos e algumas pequenas doações, o valor foi de R$ 2.375,20.

Passeios em Bangkok
Passeios em Railay Beach e Koh Phi Phi
Passeios em Koh Samui e Koh Tao
Passeios em Chiang Mai


Compras

Há quem consiga viajar e não comprar nada, mas esse não é o meu caso! 😂😂😂

Na Tailândia as coisas são super baratinhas e deu vontade de voltar pro Brasil pagando excesso de bagagem, mas me contive e comprei o mínimo que consegui... ok, confesso que no final não foi tão pouco 😀

Com compras, nossos gastos foram de R$ 997,95.

Compras em Bangkok

Compras nas praias e ilhas

Compras em Chiang Mai


Outros Gastos Aleatórios

Aqui são gastos que vão variar de pessoa pra pessoa.

Neste tipo de gastos listamos coisas como massagem (que me arrependo de não ter feito mais, é revigorante depois de um dia inteiro caminhando!), lavanderia, minha tatuagem...

Compramos duas bolsas impermeáveis que foram super aquisições para levar nos passeios de barco! Recomendo para quem costuma levar equipamento fotográfico, principalmente.

Outra dica mega importante: não deixe para comprar protetor solar nas praias.. paguei mais de 70 reais numa embalagem média que aqui no Brasil deve custar uns 40,00 😭

Outros gastos


Considerações Finais

Ao todo, nossa viagem ficou em R$16.425,26, mas calma! Não foi uma trip super hiper mega econômica. Se você quiser poderá gastar menos do que isso! 😀

Se desconsiderarmos nossos gastos com compras, cai pra R$15.427,21. Também existem outros tipos de visita no Elephant Nature Park, como as de meio dia, que custam R$225,00 por pessoa, contra os R$540,00 do passeio de dia inteiro que fizemos, o que significa uma economia de R$630,00 para duas pessoas. Escolhendo o passeio mais em conta a viagem já cairia pra R$14.797,21. Fora que você também pode ficar em hostels, economizar com passeios coletivos nas ilhas, aumentar o número de refeições na Seven Eleven e diminuir restaurantes... 

Enfim, com os nossos gastos você pode ter uma noção e calcular aproximadamente quanto você gastaria, baseado no seu estilo e prioridades. Caso ainda tenha alguma dúvida, deixe nos comentários que vamos tentar te ajudar!


Dica: O casal Tiago e Fernanda do Blog Monday Feelings tem um post com dicas bem legais para uma viagem super econômica pela Tailândia. (clique no link e confira!) 


Resumo do total de gastos

Passagens aéreas R$ 7.255,18
Outros transportes R$ 1.022,50
Seguro-viagem R$ 476,70
Hospedagem R$ 1.960,89
Alimentação R$ 1.574,89
Passeios R$ 2.375,20
Compras R$ 997,95
Outros Gastos Aleatórios R$ 761,85
Total R$ 16.425,26

 


Você pode fazer os orçamentos dos hostels e hotéis na Tailândia através do Booking.com! Efetuando sua reserva através dos nossos links, o Viajando na Janela recebe uma pequena comissão que ajuda  na manutenção do blog e você não paga nada a mais por isso!
Desde já deixamos o nosso muito obrigado! 🙂


 

Escrito por

Mineira, 31 anos, formada em Sistemas de Informação com Pós em Administração e Marketing. É apaixonada por viagens, principalmente aquelas que possibilitam visitar novos lugares e conhecer novas culturas. Passa horas na internet lendo relatos de outros viajantes e adora contar suas experiências nas redes sociais e no blog.

51 Comments

  1. Amigo, que espetáculo esse relato de viagem. Estou indo em 03/2018 com minha namorado e pode ter certeza que vou usar todas as informações do seu site como referência, parabéns pelo trabalho e muito obrigado.

    Grande abraço!

    • Flávio Borges Reply

      Fala, Diego!

      Fico muito feliz em saber que estamos ajudando! Vocês vão curtir demais a Tailândia, não tenha dúvidas disso.
      Logo, logo publicaremos mais posts sobre nossa viagem! Curta nosso face e siga nosso insta que sempre postamos as novidades por lá! 😉

      Abraços!

    • Flávio Borges Reply

      Que bom que gostou, Giovana! Ficamos muito felizes com este retorno tão positivo!

      Abraços!

  2. Pingback: Vai viajar para a Tailândia? Veja esse infográfico completo com tudo sobre o país

  3. Uau!!! Sensacional!!! Post favorito de dicas pra Tailândia!! É meu sonho ir pra lá!! Vou seguir as dicas e preparar o mochilão!! Muito obrigada por compartilhar 😉

    • Flávio Borges Reply

      Olá Tânia

      Se precisar de mais dicas para o mochilão, é só chamar!

      Abç!

  4. Pamela Padlla Reply

    Esse foi o melhor relato que encontrei até agora, estou encantada srsss, as minhas passagens Brasil X Tailândia saiu pela metade do preço de vocês, vou seguir todas as dicas. Preciso saber, em qual cidade vocês fizeram a tattoo e como escolheram? tem fotos do desenho?

    • Flávio Borges Reply

      Olá Pâmela!

      Que bom que você encontrou passagens com preço legal. Nós monitoramos os sites de venda um tempão e não conseguimos nada melhor 😕

      Sobre a tattoo, somente a Geisi que fez. Dê uma olhadinha neste post aqui (10 coisas para se fazer em Bangkok), a #10 tem a indicação do studio e a foto do desenho feito.
      Ah! Existem lugares com preços bem melhores, mas como a Geisi tinha boas referências do studio que fomos, acabou que ela optou por pagar um pouquinho mais e tatuar em um lugar mais confiável.

      Abç pra vc e obrigado pelo elogio!

  5. Francisco Piazenski Reply

    Caramba, esse é um verdadeiro manual de custos sobre a Tailândia. Bem completo, não tem co.o dizer que não tem informações depois de ler esse post.

  6. Parabéns pelo post, ficou muito bom! Juro que às vezes até tento anotar os gastos de viagem mas nesse nível de detalhamento eu nunca consegui… Espero que ajude outras pessoas que estejam planejando uma viagem a Tailândia! Abs

    • Flávio Borges Reply

      Fala, meu amigo!

      Não vou negar, anotar todos os gastos dá um trabalhinho. Mas essa é uma ótima forma de controlar o orçamento e ter uma real noção do preço de uma viagem. Apesar do trabalho, valeu a pena!

      Um forte abraço.

  7. Olha… eu estou deveras impressionada!!!! Muita organização!Parabéns e sensacional este compartilhamento conosco! Não só porque nos dá uma ideia clara de quanto custaria uma viagem para Tailândia, como o que se gasta por item o que já nos dá uma ideia de como organizar a viagem! Espetacular!!!

  8. Post lindo e essencial para todos que estão planejando uma viagem para a Tailândia, adorei as dicas e as fotos lindas, este post já está na minha lista de favoritos e vou compartilhar com certeza!

    • Flávio Borges Reply

      Superfeliz com seu retorno, Fábio. Admiro seu blog demais e é uma satisfação ler seu comentário!

      Forte abraço!

  9. Me diga como vcs conseguem anotar todos os gastos assim? kkkkk Eu já tentei, mas não dá certo, sempre esqueço de algo. Marido calcula pelo tanto de dinheiro que trocamos e que “sumiu” hehe. Enfim, excelentes dicas e explicações! Esse tipo de post ajuda muito a quem está planejado uma viagem para o destino, especialmente para quem tem o orçamento apertado. Vocês estão de parabéns, gastaram pouco até, comparado a alguns orçamentos que já fiz… As fotos estão um escândalo!! Parabéns =D

    • Flávio Borges Reply

      Então, Pollyana, a Geisi e eu combinamos de anotar o que gastássemos para termos uma noção exata do preço da viagem. Pra ajudar, nós dois baixamos um app de notas e fomos anotando tudo conforme íamos gastando. Não vou falar que não deu um trabalhinho, porque realmente deu.. mas valeu muito a pena, sabe?
      Quanto ao preço da viagem, eu achei bem em conta também. O valor da passagem foi o que mais pegou. Já na Tailândia, conseguimos fazer muita coisa gastando relativamente bem pouco. Como disse no post, se o orçamento apertasse teríamos conseguido economizar ainda mais.

      Um abraço

  10. Realmente i que mais pesou na nossa viagem para Tailândia foi sem dúvida nenhuma a passagem aérea. Achei a comida bem barata e super gostosa. Como vcs nos permitimos gastar um pouco mais nos passeios que valem super a pena. Adorei o post.

    • Flávio Borges Reply

      Realmente, Sil. As passagens aéreas encareceram a viagem 😭

  11. Viviane Carneiro Reply

    Adorei o post! Muitas dicas e informações valiosas! Quero muito conhecer a Tailândia, agora ficou mais fácil. Obrigada

  12. Adoreeeei o post, super completo e informativo!! Babei nas fotos e estou louca pela chance de conhecer esse país tão lindo! Parabéns pelas dicas!

    • Flávio Borges Reply

      Vá por mim, a Tailândia é lindíssima, você vai adorar o país!
      (Valeu pelos elogios!)

      Um abraço

  13. Luiz Guimarães Reply

    Amei! É o relato de custos mais completo e fácil que já vi! Além de estar super atualizado! Obrigado e sucesso com o blog! <3

    • Flávio Borges Reply

      Valeu, Luiz!

      Fico super feliz que tenha curtido.

      Um abraço!

  14. Muuitoo Top o blog, tudo explicado nos mínimos detalhes !! :))

    • Flávio Borges Reply

      Valeu, Filipe! Bora botar esta viagem pra frente hein? abração!

  15. como os preços variam com o estilo de viagem ne! quando eu fui pra Tailandia, estava na NZ e a passagem saiu em torno de 2000..compensei na hospedagem, comida e transporte, no fim deu 1400 reais para 2 semanas!

    • Flávio Borges Reply

      Realmente, o estilo de viagem é quem manda no preço final, né?
      Dessa vez nós gastamos um pouco mais do que achamos que iríamos gastar… Agora teremos que compensar na próxima haha

      Abraço!

  16. Ahh, Tailândia, que país incrível!! Parabéns pelo post suuper detalhado e organizado, minha viagem também deu essa média. Mas, vamos combinar, a gente gastaria tudo de novo, né??? Bjss

    • Flávio Borges Reply

      Sem dúvidas, Lívia. Valeu cada centavo, ou melhor, cada baht! 😀

      Um abraço!

  17. Adorei o seu post. Bem detalhado com tudo que podemos fazer lá e melhor com os gastos para ter uma boa noção do planejamento financeiro a ser feito. Não vi em nenhum lugar a quantidade de dias que ficaram para ter noção do tempo. Será que papei mosca e está escrito em algum lugar? Parabens, já favoritei aqui no meu computador

    • Flávio Borges Reply

      Olá Flávia.

      Primeiramente, obrigado pelo toque! Nós disponibilizamos o link do nosso roteiro no começo do post, mas para ficar mais claro é bom deixar a quantidade dias mais visível. Já corrigimos isto! 😉

      Um abraço!

  18. Mais detalhado que isso, impossível. Gostei da capacidade de registrar cada centavo investido. Desse jeito, fica mais fácil visualizar o destino e perceber que ele não está tão distante assim. Parabéns pela organização.

  19. Keul Fortes Reply

    Que sonho de lugar! Simplesmente amei o post. É muito útil para na hora de um planejamento. Parabéns !

  20. Simplesmente sensacional! Sou dessas que anota cada gasto da viagem também. Fica tão mais fácil a gente passar a noção pros leitores dessa forma.
    A Tailândia deve ser um sonho e não achei caro pelo tempo de viagem. Compensa ficar menos dias?
    Ah! Adoro o seven eleven kkkk mto bom mesmo!
    Amei a matéria! Super parabens!

    • Flávio Borges Reply

      Oi Carol! Que bom te ver por aqui!

      Obrigado pelo elogio, a ideia é ajudar quem vai mesmo. =)

      Agora, com relação a ficar menos dias na Tailândia, eu acho que vale a pena sim. Só que, é importante considerar que do Brasil até a Tailândia são mais de 24 horas de vôo, o que é extremamente cansativo. Ai vai da disposição de cada um haha

      Abraço

  21. Além de não ser tão caro, deve ser uma viagem única! e totalmente inesquecível!! estou louca pra conhecer!

  22. Casal, a trabalheira valeu a pena heim?!
    Que postagem linda! 😀

    Dá uma saudade danada ler isso tudo novamente…
    Tava vendo aqui que nossos gastos foram muito parecidos. Gastamos um pouco mais, mas, considerando que fomos para o Laos ( aéreo mais pesadinho) e pagamos por mergulho e fotógrafo. tirando isso, fica quase a mesma coisa.

    Parabéns pelo trabalho! Confesso, não conseguimos anotar tudo (tipo, tudo MESMO) como vcs fizeram! heheeh

    Um chêro!

  23. Gente, nem é tão caro mesmo! Mas as passagens é que doem =/ O negócio é ficar de olho nas promoções pra economizar a full 🙂

    • Flávio Borges Reply

      Verdade, Camila. As passagens realmente deixam a viagem bem mais cara… infelizmente nós não conseguimos pegar uma promoção boa 😧.

      Um abraço

  24. Ahhhh que sonho! <3 Só de ver essa primeira foto, com esse azul todo da água, já pirei. Bom saber sobre os custos, achei até mais em conta do que eu imaginava! Agora só falta planejar uma trip!

    • Flávio Borges Reply

      A primeira foto foi tirada em uma das praias mais conhecidas por lá, a Maya Bay. O lugar é surreal, Mariana. Lindo demais da conta.

      Bora fazer esta viagem acontecer, tenho certeza que você vai curtir demais.

      abraço!

  25. Saiu mais caro do que tínhamos planejado… Bom saber, pq quando a gente for, vou economizar em tudo!!! hahaha
    Na conta de vcs o que saiu mais caro foram os passeios né, mas vcs foram em lugares tão lindos, que vale a pena né?! E tb o tempo de viagem foi bem grande.
    Adorei saber os gastos direitinho que vcs tiveram com tudo (vcs foram muito organizados guardando essa informação! hahaha).
    Bom que já dá pra gente se programar tb =)

    • Flávio Borges Reply

      Olá! Que bom te ver por aqui!

      Realmente a nossa trip ficou um pouquinho mais cara do que estávamos planejando… Mas nós demos algumas deslizadas também 😂😂😂. Nos permitimos gastar um pouquinho mais com algumas coisas, principalmente com passeios e compras.
      Agora vamos ter que economizar na próxima para compensar o estrago no orçamento kkkk

      Um abraço!

Deixe seu comentário!